Porque o avião deixa um rastro de fumaça branca no céu?

O que são os famosos rastros de fumaça branca no céu? Quem nunca olhou para cima e observou algumas trilhas brancas em linha reta parecidas com fumaça no céu? Vamos descobrir agora a origem delas e porque elas se formam.

Contrail e trilhas de condensação

Quantas vezes já não nos deparamos com linhas brancas que cruzam o céu de ponta a ponta e ficam lá por horas. A origem destas trilhas se dá nos motores das aeronaves que estão voando em grandes altitudes. Mas como um motor a jato em bom estado de manutenção pode soltar tanta fumaça?

Porque o avião deixa um rastro de fumaça branca no céu contrail chemtrail

As esteiras de condensação de aviões não são fumaça, mas sim água condensada. Da mesma forma que as nuvens, em pequenos cristais de gelo.

Há uma diferença entre contrail e chemtrail. Quando o avião voa em grandes altitudes, existem três possibilidades: que o mesmo gere uma contrail, uma chemtrail ou nenhum rastro.

Porque o avião deixa um rastro de fumaça branca no céu contrail chemtrail

A contrail fica por pouco tempo no ar e desaparece em seguida. A chemtrail é mais duradoura, podendo ficar horas pairando no céu após a passagem do avião. Pode haver partes rompidas nas trilhas, onde a condensação para e inicia sem motivo aparente. Isso se deve a variações na atmosfera.

Como se forma uma contrail

Ao voar nas camadas mais altas da atmosfera, cerca de 10.000 metros de altitude, as temperaturas são muito baixas, em torno de -50°C. Um motor a jato pode expelir os gases da queima de combustível a 400°C.

Porque o avião deixa um rastro de fumaça branca no céu contrail chemtrail

Ao entrar em contato com as temperaturas negativas do meio ambiente, os gases quentes do motor provocam a condensação do vapor de água que se encontra no céu. Ao condensar, o vapor se torna em uma espécie de nuvem e começa logo após a parte de trás do motor seguindo o deslocamento do avião, dando origem às contrails.

O que é condensação? O fator gerador de contrail

A condensação é um fenômeno que transforma a matéria do estado gasoso para o estado líquido. Ela normalmente ocorre quando o vapor é resfriado e a água que está no ambiente volta ao seu estado fluido. No nosso dia-a-dia podemos notar a condensação em prática ao encher um copo de água gelada. Com o tempo observamos a formação de gotículas de água na parte externa dele. Ao entrar em contato com a superfície gelada do copo, o vapor do ar em volta condensa e forma as gotas de água líquida.

Porque o avião deixa um rastro de fumaça branca no céu contrail chemtrail

O mesmo ocorre com o vapor da atmosfera na saída do escape do motor do avião. A diferença é que, ao invés de se tornar líquida, a água vira pequenos cristais de gelo, devido as baixíssimas temperaturas que a congelam imediatamente. Durante pousos e decolagens também é possível notar a condensação do vapor da atmosfera em outras partes do avião, principalmente em locais úmidos.

Existe risco de poluição por uma contrail ou chemtrail?

Muito se fala sobre os perigos das contrails, ou chemtrails. Pesquisadores afirmam sobre a ameaça das mesmas em termos de poluição da atmosfera. Eles afirmam que essas trilhas de condensação estão repletas de poluentes químicos. Os mesmos seriam resultantes da queima de combustível pelo motor do avião. Entretanto, ainda não se chegou a uma conclusão definitiva sobre a contribuição delas para a poluição do ar.

Porque o avião deixa um rastro de fumaça branca no céu contrail chemtrail

O que ocorre é que, assim como qualquer motor que queima combustíveis fósseis, a exemplo do querosene de aviação, existe a geração de poluentes e gases tóxicos em decorrência desta queima, assim como se observa em outros veículos como automóveis, navios e trens a diesel. A fumaça branca da esteira de condensação propriamente dita é apenas água cristalizada. A poluição gerada pelo motor é incolor, podendo por vezes ser observada. Uma fumaça de cor preta ou marrom em caso de motores mais antigos pode existir, não sendo isso uma contrail ou chemtrail.